5 MINISTERIOS: Os 5 Ministérios da Igreja - Marcos Willian

CLIQUE AGORA para INSCREVER-SE

Quais são os 5 ministerios? Se você chegou até aqui é porque você quer entender a definição e a importância de conhecer os 5 ministerios de efésios.

O que é ministério

Com origem no latim “ministeriu” e em grego por “diakonia”. O termo ministério significa cargo, incumbência, comissão, serviço.

Os 5 ministérios também são chamados popularmente de dons ministeriais.

Esse tema esta ligado diretamente à 3 temas: identidade, chamado, dons e ministério. Caso você queira aprender mais sobre esses temas, ao final desse artigo eu deixo o novamente o link para você.

Banner WhatsApp - Marcos Willian - oMarcosWillian

Falando sobre os 5 ministerios da bíblia

A definição principal sobre os 5 ministérios surge de Efésios 4:11-13, onde está definido que Deus escolheu alguns para apóstolos, profetas, evangelistas, pastores e também doutores. Tudo isso com o propósito de edificar o corpo de Cristo.

Primeiramente, Deus distribuiu dons para que juntos possamos fazer a obra.

Cada pessoa possui um dom, voltado para um ministério mais especifico e assim juntos conseguimos executar a obra completa.

Existem vários tipos de dons, mas o Senhor é o mesmo. Você pode entender melhor lendo 1 Coríntios 12: 4-12.

Por isso, uma igreja saudável precisa fluir dentro dos cinco ministérios.
Quando uma igreja se excede em um desses 5 ministérios, há um crescimento anormal e deficiente.

Você e eu já temos em nós a manifestação de pelo menos um ou dois traços dos 5 ministerios, por mais diferente que isso possa soar para você.

Ao final vou te ensinar de uma forma que você jamais vai esquecer sobre os 5 ministerios, inclusive a partir da visão da palma da sua mão.

Acompanha comigo e ao final eu explico como os 5 ministerios se relacionam com sua mão.

5 ministerios - Marcos Willian

Quais são os 5 ministerios da Bíblia

Apóstolos

Dedo polegar

Antes de mais nada, entenda que a origem da palavra “apóstolo” vem do grego apostolos, que significa “mensageiro” ou “enviado”.

Os apóstolos têm por principal característica implantar e fundamentar igrejas.

E essa é uma tarefa árdua e difícil.

Lembra muito aquele missionário que chega até uma região, abre uma igreja e levanta pessoas para ajudar e apoiar naquela nova implantada igreja.

O apóstolo é visionário.

Por isso aquele que tem o chamado apostólico está sempre na estrada, viajando, abrindo igrejas e trazendo o fundamento da palavra para uma comunidade.

Geralmente os apóstolos possuem a mesma pregação de ensino e edificação.

Sem o trabalho apostólico é quase impossível se construir uma igreja.

Após implantar a igreja ele designa pessoas para cuidar dessa igreja, em geral pastores.

Os apóstolos:

  • Enviam
  • Estabelecem
  • Pensam a frente

Podemos associar a igreja como a construção de uma casa com pedras, onde Jesus é a pedra angular (Efésios 2:20).

Se fizermos uma alusão à uma construção, quem tem a liderança apostólica, é quem tem a planta da casa a ser construída. Ele sabe exatamente como posicionar cada pedra e tem a visão de como ficará o projeto final.

Os primeiros apóstolos fundamentaram a igreja primitiva e beberam diretamente da fonte de Cristo, mas o ministério apostólico não finalizou.

5 ministerios - Marcos Willian - Os 5 ministerios da biblia

Profetas

Dedo indicador

O ato de profetizar é diferente de ministério profético.

O profeta é porta-voz de Deus. É aquele que recebe uma mensagem da parte de Deus e leva a um grupo específico de pessoas.

De acordo com a palavra de Deus o profeta alerta se nós estamos no caminho certo ou não.

 

Outro hora, onde há pessoas, há problemas. Ele traz repreensão e correção quando necessário.

Todo aquele que flui no ministério profético vai defender com unhas e dentes as verdade do evangelho.

Ele toca na ferida e aplica a palavra, todas as vezes que se faz necessário.

Profeta sente o que Deus sente e ele não se importa de tirar uma pessoa da zona de conforto.

 

Em geral, não são as pessoas mais amadas da igreja, pois são as pessoas que expõe o pecado e trazem à luz aquilo que precisa ser corrigido.

No entanto, infelizmente por negligência de algumas igrejas, perdemos o aspecto real do dom de profecias. Em alguns momentos o dom de profecia foi banalizado. Profetizar é falar de maneira antecipada.

 

Sem profecia o povo se corrompe. (Provérbios 29:18)

Os profetas:

  • Dão destino para o líder, os liderados e ministério.
  • Entra em lugares espirituais específicos

Origem da palavra profeta em latim propheta, “interprete” ou “porta-voz dos deuses”, “inspirado pregador ou professor”. Pro vem de “à frente, mais adiante” ou “para, em nome de”, e a raiz phanai – “falar”. Ou seja, uma pessoa que falava “o que vai acontecer mais adiante” ou “em nome de alguém”.

Em Hebraico, a palavra נָבִיא (nabí), porta-voz, e costumeiramente traduzimos como profeta.

Por que gosto de trazer o significado original das palavras? Pois assim conseguimos encontrar a raiz de seu propósito.

Se tratarmos a igreja como uma construção o profeta é aquele que faz o controle de qualidade da obra.

5 ministerios - Marcos Willian (1)

Evangelistas

Dedo médio

Evangelista significa “aquele que proclama boas notícias”. Similarmente a origem desse termo surge da palavra evangelho, que significa “boa nova”.

A principal característica do evangelista é pregar o evangelho fora da igreja.

É aquele que prega em qualquer ambiente.

Gosta de estar no meio daqueles que não conhecem o evangelho.

 

Apaixonado pela responsabilidade de buscar vidas no mundo e trazê-las para a presença de Deus.

Ele traz as ovelhas para dentro da igreja e é movido por desafios. Os evangelistas geralmente são inovadores nas formas de se pregar a palavra. Muitas vezes usam de vários recursos para se cumprir essa missão.

As pessoas costumam ver os evangelistas são confiáveis.

 

Ele consegue focar sua ação de evangelismo tanto em pessoas individualmente, como em grupos.

Ás vezes eles são mal compreendidos por causa de sua intensidade.
Muitas vezes eles precisam de apoio de mestres e pastores para que suas ações criativas de evangelismo não saiam do eixo bíblico.

 

Os evangelistas:

  • Têm fome por almas
  • São intensos
  • Tem facilidade de se infiltrar em ambientes e trazer pessoas para o evangelho.

Ainda tratando como uma construção o evangelista é aquele que recolhe as pedras que ainda não fazem parte da construção.

 

Pastores

Dedo anelar

A nomeação do ministério pastoral teve maior ênfase através dos ensinos de Jesus, onde Ele assemelha o cuidado necessário para com as pessoas similar ao cuido de um rebanho.

Por isso um pastor se empenha a domesticar, alimentar e proteger as ovelhas.

Em geral ele tem prazer de conviver com as mesmas pessoas.

5 ministerios - Marcos Willian (2)

O pastor geralmente não gosta de estar mudando de igrejas.

São conhecidos pela sua paciência e por gostar de pessoas.

Eles se interessam por cada pessoa.

Seu trabalho é conservar e cuidar daqueles que já estão dentro da casa de Deus.

É aquele que fortifica a igreja.

 

Porém algo que precisamos estar sempre atentos que uma igreja que é extremamente acarinhada pode acabar se tornar frágil e dependente. Por isso fica ainda mais evidente a beleza de se ter dentro de uma congregação a fluidez dos 5 ministerios bíblicos, pois enquanto o profeta faz chorar, o pastor enxuga as lágrimas.

 

E essas duas funções são extremamente importantes.

Características dos pastores:

  • Cuidado
  • Aconselhamento
  • Carinho

A cima de tudo o pastor tem o papel de colocar cada pedra no seu lugar.

Mestres

Dedo mínimo

 

Os mestres tem uma característica peculiar: eles conseguem ver o que ninguém vê.

Através dos ensinos bíblicos, lapidam as pessoas, ensinando e instruindo de acordo com a palavra.

 

Mestre é sinônimo de professor, por isso é aquele que vai se dedicar a aprender e ensinar a palavra.

Ele geralmente não gosta muito de explicar e ficar repetindo as mesmas coisas.

 

Também faz ligações e conexões de ideias e doutrinas de forma impressionante.

Por isso, mesmo que ele possa pregar a palavra para a congregação, sua pregação é muito mais voltada ao ensino minucioso do que uma pregação mais emocional.

5 ministerios - Marcos Willian (3)

Os mestres são:

  • Movidos por perguntas
  • Detalhistas
  • Minuciosos

Em geral esse ministério é pouco falado e em algumas vezes mal compreendido. Pessoas às vezes confundem como ato de orgulho, mas não é disso que se trata.

Um ponto de atenção: uma igreja que é liderada apenas por mestres tem uma intensidade muito grande na letra. Em geral acaba-se deixando sufocar o fluir do Espírito Santo em alguns momentos.

Os mestres lapidam as pedras da construção.

Você e os 5 ministerios. Qual é o seu?

Em primeiro nível, geralmente apresentamos com mais intensidade um ou dois dos cinco ministérios. Você identifica isso quando um desses ministérios se destaca mais em sua vida.

Em segundo nível o dom que você possui se torna um referencial tão grande em sua vida que você se torna reconhecido por isso e começa a ter a habilidade de instruir e formar outras pessoas para esse ministério que você flui.

Nem todos nós iremos ser formadores de outras pessoas, mas todos nós podemos fluir nos 5 ministérios com mais ênfase em um ou dois.

Todos os discípulos de Jesus, ou seja, toda a pessoa que serve a Deus pode e deve fluir nesses 5 ministérios.
O evangelismo inclusive é um caminho para todos.

Cristo é o maior exemplo e o único que fluiu perfeitamente nos 5 ministerios sem excesso em nenhum deles.

Paulo de Tarso fluiu como apóstolo, profeta, evangelista e mestre. E ele também exercia o ministério pastoral na vida de Barnabé.

Nós expressamos esses dons em cada ação e arte que produzimos.

Por isso, se você olhar para dentro de você, você irá perceber que você já possui uma dessas características dadas por Deus.

Os 5 ministerios na mão

5 ministerios - Marcos Willian - Os 5 ministerios - Os 5 ministerios da biblia

Como eu disse lá no início desse artigo ao final você seria capaz de associar e relacionar as definição de quais são os 5 ministerios da igreja, de forma à identificar através da sua mão.

Preste a atenção como é simples:

O polegar – Apóstolo

Tem a capacidade de tocar todos os outros dedos (ministérios). Ele é uma extensão dos 5 ministerios. Quando você fecha a mão ele fica por cima, pois representa cobertura.

Ele cobre a igreja como um pai, dando intensidade à cobertura da paternidade.

O dedo indicador – Profeta

A ponta um caminho. É isso que a profecia faz.

Todo profeta diagnostica o problema e passa a receita médica.
Uma profecia precisa indicar a doença e também a cura.

O dedo médio – Evangelista

Tem a extensão maior, mais longa. Definido pelo dedo médio, pois ele é capaz de chegar a lugares distantes que os outros dedos não chegam.

O dedo anelar – Pastor

É o dedo da aliança e do compromisso. Todo bom pastor é um bom pai e um bom marido.
Algo engraçado é que se você fechar a mão e tentar levantar o seu dedo anelar ele é o único dedo que você terá dificuldade de levantar com a mão fechada.

 

Embora todos os outros dedos você consegue levantar com mais facilidade e habilidade quando a mão está fechada.
O dedo anelar só possui perfeita flexibilidade quando a mão está totalmente aberta.

 

E isso só acontece, pois o ministério pastoral para funcionar com perfeição necessita que todos os outros dedos estejam funcionando perfeitamente.

Por isso, ele precisa que todos os outros dedos estejam de pé para que ele tenha flexibilidade maior.

O dedo mínimo – Mestre

Ele fica com o menor dedo, não por ser inferior a algum outro, mas porque ele consegue penetrar aonde nenhum outro consegue.

Pense quando você precisa pegar algum pequeno objeto que caiu em algum buraco pequeno, qual dedo que usamos?

Certamente o dedo mínimo é o dedo com capacidade de trabalhar de forma mais minuciosa.

 

Em conclusão essas são explicações claras e objetivas sobre os 5 ministérios da igreja.

 

Mas antes de finalizar preciso te mostrar mais uma característica:

Quando você fecha a mão, você observa que o dedo polegar (apóstolo) é a cobertura e o dedo mínimo (mestre) é a base.

5 ministerios - Marcos Willian (5)

Um ótimo livro que pode te ensinar ainda mais profundamente sobre os 5 ministerios é o livro

A Forte Mão de Deus, de Jens Kaldeway.

Clique no livro para comprar.

A forte mão de Deus - 5 ministerios livro - Marcos Willian

Clique em algum dos termos a seguir para saber mais sobre:

Identidade
Chamado
Ministério

 

Viva a vida para ADORAR e SERVIR a Deus.
Abraços, Will

 

Publicado Primeiro em: https://marcoswillian.com

Minhas Redes Sociais:

https://www.youtube.com/c/oMarcosWillian

https://www.youtube.com/oMarcosWillian

https://www.instagram.com/omarcoswillian/

https://www.facebook.com/oMarcosWillian

https://twitter.com/oMarcosWillian

Assista também, com certeza você irá

para os seus amigos pelo:

Marcos Willian Indica

Leia Também

Avivamento da Rua Azusa - Site - Marcos Willian @oMarcosWillian Transparente
Avivamento
Marcos Willian

Avivamento da Rua Azusa

O Avivamento da Rua Azusa foi um autêntico derramamento do Espírito Santo sobre a cidade de Los Angeles, em 1906, nos Estados Unidos. Esse avivamento foi inegavelmente uma ação transformadora do

Leia mais »
O que é adoração - Marcos Willian - @oMarcosWillian marcoswillian.com
Louvor e Adoração
Marcos Willian

O que é Adoração

É impossível falar sobre o que é adoração sem entender que ela nasce de uma real ação de se colocar na presença de Deus. Antes de mais nada a adoração é

Leia mais »